terça-feira, junho 24, 2008

ENTRE MUDANÇAS E PERMANÊNCIAS



Não são mudanças que me surpreendem,

permanências são meus espantalhos.

Algumas mais duradouras

que a esperança

de vê-las desaparecerem.


Postar um comentário