terça-feira, janeiro 04, 2011

VALE A PENA VIVER N 12



Tristeza tem seus méritos:
alegres, pensamos naquilo que não somos,
acreditamos em verdades-meias
nas ilusões inacabadas
e mal tecidas das vivências irreais.
Alegres, às vezes, somos perturbados por maus pensamentos
como a crença de que a vida pode ser fácil,
a vitória virá com cânticos épicos.


Tristeza tem suas qualidades:
trazer, em retorno, a realidade,
com suas dores, seus odores e tambores
surdos no cerebelo,
e o medo, irmão mais velho da coragem. 
Que tristeza e alegria se alternem, ao dia.
Que a tristeza traga segurança
de alegria que se recria
sem esgotar-se.


Vale a pena viver esta alternância
do triste que fica alegre
do surreal que se realiza.

Postar um comentário