sábado, abril 21, 2012

CANETA E BLOCO DE NOTAS


De vez em quando
bate um jeito diferente
de sentir o vento:
final empolgante do jogo,
emoção da amizade compartilhada,
música que me lembra um tempo.
Inexplicável sensação.
Sai do estômago
(onde tudo começa)
passa pela garganta
(sons sempre soam)
e chega aos olhos
(escorre em líquidos quentes).
Isso não tem cura!
Tem redução temporária
com uso de ferramentas adequadas:
caneta e bloco de notas.

Postar um comentário