quinta-feira, outubro 18, 2012

NOTAS DE LEITURA EM REVISTA DE BORDO 15


1. Eu acredito: que as tarde ensolaradas de primavera são simplesmente magníficas; que em toda feira mineira tem queijo e goiabada cascão; que as noites de inverno e lua cheia são inspiradoras, embora povoadas de estranhosidades; que o sorriso de uma morena me embriaga mais que os recheios de bombons caramelados; que as lendas de curupiras e sacis não são lendas, são causos históricos de povos das florestas; que colocar vassouras com pelos para o alto atrás das portas espanta visitas indesejadas; que quando olho no espelho vejo um homem bonito. Eu acredito.

2. Comida de aeroporto é cara e ruim. Melhor o CAOL das redondezas do mercado central em BH, meu prato favorito nos tempos de estudante. Bom e barato.

3. Porque tantos estabelecimentos com decoração retrô? Retrô virou vanguarda? Quem pensa para trás não anda para frente.

4. Robert Plant no circuito, atravessando minhas trajetórias. Não dá para assistir desta vez, velho Zeppelin.

5. "Louco é quem me diz que não é feliz" nunca foi tão verdade para mim! Viva os Mutantes!

6. Se tantas coisas curam, porque somos tão doentes?

7. Transformadores (elétricos) premiam quem transforma os arrebaldes (sociais). Laerte é um dos laureados.

8. "Vem ni mim que eu sou facim" (ditado mineiro).

9. Ilhas de tranquilidade só em mar de tempestades. Minha banheira é uma ilha.

10. Viajar é experienciar expectativas. Superá-las, ou não, é um detalhe. O meio do caminho já é um caminho sem volta.

Postar um comentário