domingo, abril 17, 2016

CURTA 265


Acordo. Ando.
Tropeço algumas vezes,
bato com os cotovelos.
Desajeitado
quebrei o dedo mindinho,
ficou tortinho.
Continuo sorrindo.
Meu sorriso, minha riqueza. 

Postar um comentário